Saúde

Hipertensão e Exercícios Físicos

Hipertensão e Exercícios Físicos

HIPERTENSÃO ARTERIAL

A hipertensão arterial é uma das doenças crônicas que mais atingem a população brasileira, tornando-se um grave problema de saúde pública.

FATORES

Muitos são os fatores que desencadeiam o aumento da pressão arterial, os mais comuns são:

  • Hereditariedade
  • Obesidade
  • Sedentarismo
  • Fumo e ingestão de bebidas alcoólicas

EVITANDO DOENÇAS RELACIONADAS

Com o tratamento desta doença, outras podem ser evitadas, como:

  • Alterações estruturais no coração (cardiopatia, insuficiência cardíaca)
  • Alterações no cérebro (encefalopatia)
  • Alterações nos rins (nefropatia)
  • Alterações nos vasos arteriais

PRESSÃO ARTERIAL DE REPOUSO

Para a redução da pressão arterial de repouso é necessária a prática regular de exercícios físicos associados com o tratamento farmacológico, sempre sob orientações médicas.

Os efeitos benéficos ficam claros quando se pratica exercícios aeróbicos e de força, sendo comprovados que os aeróbicos são os que mais alcançam êxito.

NOVOS HÁBITOS

Inicialmente, a pessoa hipertensa precisa reavaliar seus hábitos alimentares, através de um nutricionista e seu estilo de vida, abandonando o fumo, reduzindo consumo de alimentos calóricos e, principalmente quantidade de sal utilizada diariamente em suas refeições.

ADEUS AO SEDENTARISMO

Como papel principal dessa nova vida, o abandono do sedentarismo é o grande auxiliar no combate a hipertensão.

Todo hipertenso deve praticar atividade física, e sempre com acompanhamento de um educador físico, pois devido ao desenvolvimento de algumas patologias, existem exercícios que são restritos para certas pessoas.

INICIANDO A ATIVIDADE FÍSICA

Não começar um treinamento sem antes passar por um profissional da área médica, para que o mesmo possa descrever junto ao educador físico o que este aluno pode ou não fazer.

EXERCÍCIOS AERÓBICOS

Na área cientifica acadêmica, muito se fala que os exercícios aeróbicos praticados com frequência de 3 a 5 vezes por semana, com duração de 30 a 60 minutos por seção, podem reduzir a pressão arterial de forma bastante significativa.

Alguns exemplos de exercícios aeróbicos são:

  • Caminhada
  • Corrida
  • Ciclismo
  • Natação
  • Dança
  • Ginástica aeróbica
  • Hidroginástica

TREINAMENTO DE FORÇA

Já o treinamento de força deve ser trabalhado como auxiliar do tratamento aeróbico, sempre com restrições, principalmente quanto a intensidade e duração dos exercícios.

QUALIDADE DE VIDA

Em relação aos programas de atividades físicas para hipertensos, o mais importante de tudo é que o profissional de educação física atue na conscientização da população em geral, no sentido de demonstrar que a prática de exercícios, em promoção a saúde, somente proporcionará efeito benéfico para sua pressão arterial enquanto estiver sendo mantida com regularidade.

PERSISTÊNCIA!

A maioria dos estudos publicados na área indica que os indivíduos hipertensos que interrompem o treinamento observam sua pressão arterial retornar aos níveis iniciais de quando destreinados, sem benefício algum.


Tagged , , ,
Ernani Laureano

Ernani Laureano

Educador Físico - CREF 062613-G/SP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *